domingo, outubro 15, 2006

(Outro) Alberto para Presidente...

Foi com profundo pesar e angustiada consternação que soube da demissão (a seu pedido) de Alberto Veira do cargo de Vice-presidente do Centro de Estudos de História do Atlântico. O homem que na esteira da tradição pitagórica (para Pitágoras os números eram tudo) tinha uma propensão para os números sem igual nesta terra e que chegou a calcular uma fórmula (místico-matemática também à boa moda pitagórica e já agora esperamos que esta sumidade tal e qual os pitagóricos não coma feijões por pensarem que tinham a forma de testículos) apresentada em grandes parangonas na imprensa regional a dizer quanto é que o Estado (a República para usar o jargão jardinista e autonomista) devia a cada madeirense ao fim de séculos de "colonialismo" mantém-se todavia como investigador.
Cá aguardamos a próxima fórmula místico-matemática e entretanto apontamos o que trazia o DN-M nos dois últimos e deliciosos parágrafos da notícia. Em 2003 o investigador/historiador místico-matemático tinha já - novamente por sua iniciativa - se demitido do cargo de Secretário da Direcção do CEHA tento na altura passado depois a Vice-presidente.
EMANUEL BENTO
NB: Será que agora vai passar a Presidente?!

2 Comments:

Anonymous Anónimo said...

O gajo quer dar nas vistas, e então vai se demitindo dos cargos para ter um pouco de espaço na comunicação social.

11:42 da manhã  
Anonymous Anónimo said...

Alberto há só um, o Jardim, e mais nenhum. É esse que ficará para o história do progresso da Madeira, e todos os outros são cópias ou falsas imitações...

7:31 da tarde  

Enviar um comentário

<< Home